Quem já ouviu falar do Bolsa Família, deve saber que este é um programa do Governo que auxilia pessoas em situação de pobreza. Através de um suporte financeiro, a iniciativa garante que essas famílias possam ter acesso a algumas necessidades básicas.

Quando trata-se do programa Bolsa Família, ainda existem muitas dúvidas em relação ao valor, às datas e à quem pode ter acesso a  ele. Por exemplo, mulheres solteiras podem solicitar o benefício? Entenda esta e outras questões no texto a seguir:

O Bolsa Família surgiu como uma inciativa do Governo Lula para combater o cenário de pobreza no Brasil. Através desta proposta, foi lançado o programa para auxiliar famílias que se encontram em situação de pobreza ou pobreza extrema.

Mas quanto você pode receber? Todo ano, o programa passa por manutenção, pois sofre influência direta do valor do salário mínimo. Sendo assim, quando a remuneração base anual é modificada, o benefício também é.

Além disso, o seu auxílio pode variar de acordo com a quantidade de dependentes na sua família. Então o valor Bolsa Família 2020 irá ser determinado pela sua situação familiar e pelo ajuste do salário mínimo.

Mulheres solteiras podem receber o Bolsa Família?

Como você pôde conferir acima, o programa é voltado para as famílias que se encontram em situação de pobreza, mas será que as mulheres solteiras estão enquadradas neste requisito?

De acordo com o regulamento do Bolsa Família, mulheres solteiras, casadas, com ou sem filhos podem pedir sim o auxílio, desde que estejam de acordo com a situação socioeconômica proposta pelo programa.

Para tanto, a mesma deve ter uma renda mensal equivalente a até R$85, se for declarar pobreza extrema, ou uma renda entre R$85 e R$170 para declarar pobreza. Depois de solicitar, basta estar atento ao calendário Bolsa Família.

Vale lembrar que a mesma regra é aplicada para mulheres solteiras na condição de gestante. Além disso, a mulher em gestação pode conseguir o Benefício Variável à Gestante para a gravidez, que é pago durante os nove meses de gestação e depois é suspenso.

Se você está de acordo com as exigências do programa e quer solicitar o seu benefício, é necessário reunir sua documentação e se dirigir até um CRAS ou uma unidade responsável pelo atendimento do Bolsa Família.

Você deverá possuir também registro no Cadúnico para que seu pedido seja realizado. Feito isso, é necessário aguardar a avaliação de uma assistente social. Se aprovado, o seu benefício será habilitado em sua conta bancária registrada na Caixa Econômica Federal.