O Bolsa Família é um programa de transferência de renda que buscar subsidiar as necessidades básicas das famílias brasileiras. Mas nem todo mundo pode se utilizar deste programa. É preciso antes, estar dentro dos requisitos do mesmo. Quando se trata de Bolsa Família, muitos questionamento surgem.

Por exemplo, considerando que algumas famílias podem ter só um dos país como responsável, o valor ainda é concedido se o beneficiado for homem? Bem, para quem quer saber se homens também podem receber o Bolsa Família e entender um pouco mais sobre o programa, não pode deixar de ler o texto a seguir.

O que é o Bolsa Família?

O Bolsa Família é um programa gerido pelo Governo Federal que permite suporte financeiro para as famílias que se encontram em situação de pobreza e extrema pobreza.

A intenção deste programa é garantir que as famílias possam ter acesso a transporte, vestimenta, cesta básica e saúde. O valor do benefício irá variar de família para família. Inclusive, o próprio valor da bolsa pode variar de um ano para outro.

Portanto, quem tem intenção de participar do programa nos próximos meses, deve ficar atento ao lançamento de informações oficiais e às Datas Bolsa Família 2019.

Quem pode receber o benefício?

Mas quem pode ter acesso ao pagamento do Bolsa Família 2019? Homens têm direito de participar do programa? O benefício é concedido para pessoas classificas em situação de pobreza, com renda per capita familiar de até R$ 85,00; e pobreza extrema, tendo sua renda per capita familiar de R$ 85,01 a R$ 170,00.

Ou seja, um homem solteiro, por exemplo, pode conseguir o auxílio do Bolsa Família, caso venha a se enquadrar em uma das situações acima. Se tiver crianças como dependentes, receberá um auxílio maior.

Como se cadastrar?

O primeiro passo para conseguir se cadastrar no Bolsa Família, é realizar primeiro o cadastro da família no Cadúnico. Este cadastro fornece dados muito importantes para o Governo Federal, por isso, a sua realização é indispensável.

Feito o cadastro, a pessoa responsável deverá se dirigir ao CRAS ou à Prefeitura de sua região, portando toda a sua documentação, inclusive a documentação dos dependentes que serão cadastrados juntamente ao Bolsa Família.

Depois, você deverá aguardar a avaliação de um assistente social. Se aprovado, você deverá ficar atento ao calendário Bolsa Família para poder realizar o saque do seu auxílio. Quem dispõe do Cartão Cidadão pode ter algumas facilidades com o auxílio da bolsa.